Skip to content Skip to navigation

Memórias do Contemporâneo: narrativas e imagens do fotojornalismo no Brasil do século XX

O tema central deste projeto é analisar a narratividade da imagem técnica e o seu valor de representação social. Já tornou-se lugar comum afirmar que vivemos numa civilização de imagens, mas não custa lembrar que o que hoje se naturaliza nas telas das televisões, nos outdoors, nos cinemas e nas capas de revista, possuem uma historicidade, definindo formas de conhecer e imaginar. Inventariar tais imagens implica em reconhecer os procedimentos fotográficos associados à elaboração de uma linguagem visual variada, com contornos que integram desde o experimental até o registro direto dos acontecimentos.

Nossas fontes privilegiadas são as fotografias tanto àquelas publicadas nos periódicos, quantos a pertencentes aos acervos pessoais e públicos, quando estes existirem, e os relatos dos fotógrafos contidos nas fontes orais produzidas, ao longo do projeto anterior (Através da Imagem: História e memória do fotojornalismo no Brasil contemporâneo, CNPq 2002-2004), e em novas entrevistas a serem realizadas ao longo deste novo projeto. Fontes de memória que visam decifrar o entramado significativo composto por palavras e imagens.

Objetivos principais:

  1. Discutir o papel da imagem fotográfica na elaboração da narrativa histórica contemporânea.
  2. Elaborar instrumentos de pesquisa e textos de caráter analítico que se pautem na temática do relacionamento entre fontes orais e visuais

Estado da arte:

Os estudos sobre a imprensa ilustrada no Brasil vêm se multiplicando, a partir da década de 1990, devido a significativa produção acadêmica nos programas de pós-graduação em História, Comunicação Social, Artes e Desenho Industrial e Design. Cada um destes campos vai tomar a dimensão visual das publicações a partir de uma problemática distinta, no entanto, estabeleceram protocolos metodológicos de inegável importância, ao investirem na construção de um procedimento efetivamente transdisciplinar. O presente projeto dialoga com os avanços da abordagem transdisciplinar, valorizando os conceitos de narrativa e intertextualidade, no tratamento da produção do fotojornalismo , no Brasil contemporâneo.

Síntese metodológica:

A estratégia metodológica adotada se orienta a partir das duas grandes linhas que vêm orientando o trabalho do LABHOI: criação de acervo com fontes orais e tratamento informatizado das fontes visuais.
O trabalho com fontes orais seguirá o procedimento já consolidado pelo LABHOI: definição da comunidade de entrevistados; pesquisa de dados informativos; estabelecimento do primeiro contato informal; definição do roteiro da entrevista; duplicação da fita; organização da ficha sumário; transcrição e se necessário uma segunda entrevista.
As fontes visuais, comporão um banco de imagens a partir da base Cumulus, um software que conjuga texto com imagem, Cada uma das etapas do projeto será consolidada em produtos específicos: as fontes orais serão transcritas e editadas, e o banco de imagens ficará disponível para a consulta através desta página do LABHOI na WEB.

Resultados esperados:

Paralelamente aos avanços teóricos e metodológicos que pretendemos encetar através da elaboração de uma metodologia que coordene o uso de fontes orais com visuais, incluímos dentre os resultados esperados: a formação de pessoal capacitado à pesquisa histórica com fontes não tradicionais, pelo trabalho com os bolsistas de iniciação científica e com os estudantes de pós-graduação, a elaboração de uma linguagem videográfica adequada à narrativa histórica, a consolidação do banco de imagens informatizado do LABHOI, através da construção de ficha de acesso e do estabelecimento de vocabulário regulado; a ampliação do acervo de fontes orais com a formação de uma nova coleção sobre o fotojornalismo brasileiro; e finalmente, a elaboração e um guia sobre os fotojornalistas que atuaram no Brasil ao longo do século XX.

Produtos:

Seção: 
Linha de Pesquisa: